Pesquisar no Blog do J.A.

domingo, 29 de março de 2015

A certeza da salvação - Pode alguém realmente saber com certeza? 2/10

Plano Básico para ter certeza da Salvação

Como pode você saber qualquer coisa com toda a certeza? Por exemplo, se você morasse numa região propensa a terremotos, como você poderia estar seguro(a) de que o lugar que você chama de lar, não estaria destruído hoje ou amanhã? Seria tranquilizante examinar a planta da cada ou saber que o fundamento, as paredes e o teto foram projetados suficientemente fortes e confiáveis - sendo até capazes de resistir a um severo terremoto.

De forma semelhante, como você pode saber que a sua esperança no céu não será abalada quando vier o julgamento estremecedor de Deus? Seria tranquilo ter alguma evidência de que a sua esperança não é simplesmente um desejo de seus pensamentos. tal providência está à nossa disposição. A carta de 1 João, do Novo Testamento, descreve as evidências que podem nos dar um forte certeza. Se tratarmos estas evidências como elementos de uma planta de uma construção, nós veremos como da parte acrescenta força a toda a estrutura.

Os seis elementos, descritos no plano de construção da certeza da salvação, são os seguintes:
  • A Autoridade da Bíblia
  • A Obra de Cristo
  • A Sua Fé em Cristo
  • A Sua Obediência a Cristo
  • O Seu Amor para com os Outros
  • A Certeza do Espírito

O diagrama que usaremos através deste estudo, retrata a progressão lógica das verdades que são essenciais para alguém poder dizer com certeza que está seguro(a) de sua salvação. O fundamento sobre o qual deverão repousar as outras razões para tal certeza, é a autoridade da Palavra de Deus. Sobre o fundamento, estão colocadas quatro colunas de suporte. Cada coluna representa uma evidência de que a nossa salvação é segura. A obra consumada de Cristo e a nossa fé pessoal Nele são razões sólidas para ter esta certeza. A Bíblia também nos fala que a nossa obediência a Cristo é o nosso amor para com outros cristãos são evidências de uma fé verdadeira e salvadora. A pedra angular que repousa sob as colunas é a certeza interna que o Espírito Santo nos dá. O Espírito Santo aponta para s verdades da Palavra de Deus, para a suficiência da obra de Cristo, para a realidade da nossa fé e para as evidências de nossa obediência e nosso amor.

Fundamento: A Autoridade da Bíblia

Um fundamento sólido é essencial para qualquer crença. Como um edifício, ela precisa ter suas bases num solo firme. Isto foi ilustrado quando uma grande companhia de eletricidade estava construindo uma planta nuclear. Milhões de dólares foram gastos nesta estrutura massiva, na qual estaria o reator nuclear. Mas uma inspeção demonstrou que os fundamentos não eram adequados. Como resultado, a segurança da comunidade era incerta e o projeto teve de ser abandonado.

Deus quer que os cristãos estejam seguros de sua salvação. Por esta razão, Ele estabeleceu uma sólida rocha da verdade - as muitas promessas de certeza que encontramos nas Escrituras. Uma das passagens chave da Bíblia que aborda esta questão da certeza da rocha angular, se encontra na carta de 1 João, no Novo Testamento. As palavras iniciais da epístola de João mostram claramente este propósito. Ele escreveu:


"O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que temos contemplado, e as nossas mãos tocaram da Palavra da vida (Porque a vida foi manifestada, e nós a vimos, e testificamos dela, e vos anunciamos a vida eterna, que estava com o Pai, e nos foi manifestada); O que vimos e ouvimos, isso vos anunciamos, para que também tenhais comunhão conosco; e a nossa comunhão é com o Pai, e com seu Filho Jesus Cristo. Estas coisas vos escrevemos, para que o vosso gozo se cumpra." 1 João 1.1-4

A primeira coisa que João queria dizer é que tudo o que ele escreveu a respeito de Cristo, era digno de confiança. Segundo, ele desejou que os leitores compartilhassem com ele a alegria da salvação.

As palavras do apóstolo eram apropriadas não somente para os leitores do primeiro século, mas também para nós hoje em dia. Por causa da inspiração que Deus deu a João para escrever esta primeira carta, nós podemos saber o que é necessário para agradar a Deus e podemos estar seguros do perdão e da paz com Deus.

Quando João estava terminado a sua epístola, ele lembrou novamente aos seus leitores que prestassem atenção ao que ele havia escrito. Ele lhes disse:

"Estas coisas vos escrevi a vós, os que credes no nome do Filho de Deus, para que saibais que tendes a vida eterna, e para que creiais no nome do Filho de Deus." 1 João 5.13

João deixou saber aos seus leitores que tudo o que ele registrou lhes daria grande certeza. Do que o apóstolo nos contou, bem como de tudo o que lemos no resto das Escrituras, sabemos que encontramos o fundamento para a nossa fé nas páginas da Palavra inspirada por Deus.

Palavras de Confiança

"Porquanto a vontade daquele que me enviou é esta: Que todo aquele que vê o Filho, e crê nele, tenha a vida eterna; e eu o ressuscitarei no último dia." João 6.40

"E dou-lhes a vida eterna, e nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará da minha mão." João 10.28

"Por cuja causa padeço também isto, mas não me envergonho; porque eu sei em quem tenho crido, e estou certo de que é poderoso para guardar o meu depósito até àquele dia." 2 Timóteo 1.12

Para Reflexão: O que acontece a uma casa construída sobre a praia arenosa quando os ventos fortes e as ondas altas sopram contra a mesma? Por que os sentimentos emocionais não são um bom fundamento sobre o qual devemos construir a certeza da nossa salvação? Você tem tido duvidas a respeito de seu relacionamento com Deus? Por que as circunstâncias difíceis nos fazem duvidar daquilo que Deus disse? Está você disposto(a) a aceitar a Bíblia como a verdade angular sobre a qual você pode construir a certeza de sua salvação?

Conselhos Bíblicos