Pesquisar no Blog do J.A.

sábado, 12 de outubro de 2013

PERSONAGENS BÍBLICOS


EVIL - MERODAQUE

Em 562 a.C., o rei Nabucodonosor da Babilônia foi sucedido por seu filho Amel-Marduque, que a Bíblia também chama Evil-Merodaque. Em 604 a.C., Nabucodonosor subjugou Judá, e em 597 a.C. ele completou sua conquista, deixando Jerusalém e o templo em ruínas.


Ele também levou três mil aristocratas, líderes e professores judeus em cativeiro para a Babilônia, entres eles o rei Joaquim, de dezoito anos, que reinou apenas três meses. Ele depôs e prendeu Joaquim e pôs Zedequias, tio de Joaquim, no trono judeu, o qual funcionava como um governante fantoche.

Joaquim permaneceu no cativeiro por 37 anos,  durante aos quais desfrutou de grau variado de liberdade. Em geral, ele era aceito por seu povo, tanto na Babilônia como em casa, como o rei e líder legítimo deles. Na época em que Evil-Merodaque sucedeu Nabucodonosor no trono, ele desenvolvera grande respeito por Joaquim. 

Evil-Merodaque, em reconhecimento pela própria ascensão ao trono, concedeu pleno perdão a Joaquim e o elevou ao "lugar mais honrado entre os outros rei que estavam com ele na Babilônia". Joaquim jantava com Evil-Merodaque no palácio com regularidade e recebeu o governo total sobre os judeus cativos.

A bondade de Evil-Merodaque com os judeus continuou até sua morte, dois anos depois, quando foi assassinado em um golpe de estado liderado por seu cunhado Neriglissar, que eliminou todo os registros dos atos de Evil-Merodaque das crônicas babilônias. 

Portanto, não se sabe praticamente nada do reinado dele, a não ser o que consta das duas referências bíblicas: 2Reis 25.27 e Jeremias 52.31.


Pb. Donizeti (Um servo do Senhor Jesus a serviço do reino de Deus).

Conselhos Bíblicos