Pesquisar no Blog do J.A.

terça-feira, 14 de abril de 2015

A certeza da salvação - Pode alguém realmente saber com certeza? 510

A sua Obediência a Cristo

Alguns departamentos da polícia têm uma divisão de caninos, constituída de cães especificamente treinados para o trabalho da polícia. É muito interessante observar estes cães em ação. Este animais têm um relacionamento especial com a pessoa com a qual estão treinados a trabalhar. Eles possuem um forte sentimento de lealdade e eles respondem prontamente às ordens de seu mestre. Se estão caminhando pela estrada ou correndo atrás de um criminoso, não há nenhuma dúvida a quem pertencem estes cães. a obediência imediata do cão policial à voz de seu mestre, revela a sua identidade.

De forma semelhante, aqueles que crêem em Jesus Cristo deveriam ser identificados facilmente pela sua obediência a seu Senhor e Mestre. Esta obediência é marcada pelo fato deles guardarem os Seus mandamentos e se afastarem do pecado.

Guardando os Seus mandamentos. Se olharmos novamente para 1 João, nós lemos:

"Ora, sabemos que o temos conhecido por isto: se guardamos os seus mandamentos" (1 Jo 2.3).

Este versículo nos diz que nós, os que aceitamos a Jesus como o nosso Salvador, podemos estar seguros que a nossa salvação é genuína por causa de nossa obediência a Ele.

Pode ser que você tenha uma sólida compreensão da verdade doutrinal a respeito da obra consumada de Jesus Cristo e você O aceitou como o seus Salvador, mas ainda assim há épocas nas quais você pensa que a sua fé não é nada mais do que um simples conhecimento de sua cabeça. Talvez você se sinta encorajado(a) pois a sua preocupação a respeito de seu estado espiritual é uma evidência de a sua fé é real - mas você desejaria um evidência um pouco mais tangível. Bem, aqui está: Olhe para a sua conduta! Aplique o teste: "Estou eu guardando os mandamentos de Deus?"

Não deveria ser difícil para você determinar se a sua vida é marcada pela obediência ou não. É claro, nós não estamos sugerindo que você que você deva guardar todos os mandamentos de Cristo de forma perfeita. Ninguém consegue fazer isto. Nesta epístola, o apóstolo João já havia escrito de forma dura contra as pessoas que diziam que não tinham "pecado nenhum" (1.8) e que não haviam "cometido pecado" (1.10). Ele já nos falou sobre a provisão graciosa de Deus de perdão diário e da purificação através da confissão (1.9). Todavia, ele deixou claro que a vida de um crente deve ser caracterizada mais pela justiça do que pelo pecado. Faça uma avaliação honesta de sua vida. Se você se dá conta que ama ao Senhor Jesus e está caminhando em obediência a Ele, você pode tomar isto como uma indicação de que você é nascido de novo.

Lembre-se: você não precisa ser perfeito. E a sua salvação não está baseada na obediência. Mas se você deseja genuinamente obedecer aos mandamentos de Cristo, e se você vê alguma evidência de crescimento na santificação, você terá uma razão a mais para crer que realmente está salvo.

Afastando-se do pecado. O outro lado da nossa obediência é uma rejeição do pecado em nossas vidas.
"Se dissermos que temos comunhão com ele, e andarmos em trevas, mentimos, e não praticamos a verdade." 1 João 1.6
"Qualquer que permanece nele não peca; qualquer que peca não o viu nem o conheceu. Filhinhos, ninguém vos engane. Quem pratica justiça é justo, assim como ele é justo. Quem comete o pecado é do diabo; porque o diabo peca desde o princípio. Para isto o Filho de Deus se manifestou: para desfazer as obras do diabo. Qualquer que é nascido de Deus não comete pecado; porque a sua semente permanece nele; e não pode pecar, porque é nascido de Deus." 1 João 3.6-9
Estes versículos podem soar como se João estivesse dizendo que nós devemos ser perfeitos, sem pecado antes de estarmos seguros de que vamos para o céu. Mas não é isto o que ele está dizendo. A sua ênfase está no fato de que nós, os que professamos uma fé em Cristo, passamos da morte para a vida, das trevas para a luz. Se uma pessoa diz que é cristã mas continua a viver no pecado - desobedecendo aos mandamentos de Cristo e vivendo da mesma maneira como vivem os descrentes - então tal pessoa está enganada.

A vida de um crente não deve ser caracterizada pelo pecado mas por fazer aquilo que é correto aos olhos de Deus. Em outras palavras, o que João estava dizendo é o seguinte: Se você professa uma fé em Cristo, então a sua vida vai demonstrá-lo. Você não vai entregar-se ao pecado como uma forma de vida.

João havia mencionado a purificação que está à disposição dos cristãos que pecam (1 Jo 1.9). Mesmo que um cristão peque, o pecado não tem mais domínio sobre ele e ele não se entregará a uma forma decadente de vida (Rm 6.11-14).
"Se as nossas vidas se caracterizam pela obediência a Cristo, temos outra razão poderosa para ter a certeza de que lhe pertencemos."
A nossa obediência a Cristo, então, tem um aspecto positivo e negativo: nós devemos guardar os mandamentos de Cristo e nós devemos nos afastar do pecado. Se as nossas vidas são marcadas por este tipo de obediência, esta é mais um razão forte para estarmos seguros(as) que pertencemos a Cristo.

Para Reflexão - Quando você lê a Bíblia ou ouve os seus ensinamentos, você prontamente obedece aos mandamentos de Deus? Enumere algumas formas pelas quais a sua vida demonstra que você é um(a) filho(a) de Deus, através de Jesus. Se você sabe que colocou a sua confiança em Cristo mas tem caminhado em desobediência, peça a Ele de seu novo compromisso em obedecê-Lo.

Conselhos Bíblicos