Pesquisar no Blog do J.A.

sexta-feira, 8 de novembro de 2013

USOS E COSTUMES DOS TEMPOS BÍBLICOS


TOSQUIA DAS OVELHAS

Havia duas épocas importantes para o pastor: o nascimento dos cordeiros e a tosquia das ovelhas. O nascimento se dava geralmente em janeiro/fevereiro. A tosquia era feita depois da pastagem de verão, quando os lucros eram distribuídos e seguiam-se vários dias de festejos. 

Lemos em 1Samuel 25 a história de uma tosquia em que todos os envolvidos nesse trabalho (nesse caso os que pertenciam a uma grande propriedade) foram convidados para a celebração. Houve tanta bebida e júbilo que a ocasião se tornou propícia para um assassinato (2Sm 13.23).

O pastoreio nem sempre era em pequena escala. Grandes criadores de ovelhas empregavam pastores para cuidar de seu enormes rebanhos. Mesa, rei de Moabe, teve de pagar ao rei de Israel cem mil cordeiros e a lã e cem mil ovelhas como proteção (2Rs 3.4). Jó tinha 14.000 ovelhas no final da sua história (Jó 42.12) e Salomão sacrificou 120.000 ovelhas na dedicação do templo (1Rs 8.63). 

Uma porta especial foi construída na extremidade noroeste de Jerusalém, servindo de entrada das ovelhas que iam ser sacrificadas no templo. Eram chamada de Porta das Ovelhas (Ne 3.1) e ficava perto do tanque conhecido por Tanque de Betesda nos dias do Novo Testamento. Esse tanque era usado para dar-lhes banho (Jo 5.2). Nabal, com três mil ovelhas, era um criador relativamente pequeno (1Sm 25.2,7).

O cuidado das ovelhas nem sempre era feito pelo pastor. As famílias mais pobres usavam os filhos menores pra cuidá-las . Davi estava nessa posição quando Samuel foi à casa de Jessé ungir o futuro rei de Israel (1Sm 16.1). As famílias mais pobres de todas tentavam comprar dois cordeiros na Páscoa. Um era comido de acordo com a lei, mas o outro mantido para engorda durante o verão. 

Ele tornava o bichinho de estimação da famílias, de um modo que o bode jamais era aceito. O cordeirinho dormia, em geral, com as crianças, e até partilhava do mesmo recipiente para beber. Se tornava trágico para os filhos da casa o dia em que o cordeiro era sacrificado preservado na gordura da sua própria cauda. Essa é a práticas subjacente à parábola de Natã em 2Samuel 12.1-7).


Pb. Donizeti (Um servo do Senhor Jesus a serviço do reino de Deus)

Conselhos Bíblicos