Pesquisar no Blog do J.A.

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

USOS E COSTUMES DOS TEMPOS BÍBLICOS



A RODA DO OLEIRO

O processo de rotação evoluiu ainda mais quando alguém teve a ideia de colocar o barro numa roda horizontal. Nos dias do Antigo Testamento uma roda achatada de madeira, barro ou gesso era girada horizontalmente numa bancada, à mão ou um eixo que atravessava a bancada.

Uma pessoa empurrava a roda enquanto a outra moldava o barro sobre ela. Quando Jeremias foi à casa do oleiro e viu uma vasilha sendo fabricada e depois refeita por estar defeituosa, ele estava observando uma dessas rodas. 

Só em 200 a.C, ocorreu aos que trabalhavam nesse ofício que uma segunda roda podia ser acrescentado eixo sob o banco ao nível do pé, e empurrada pela mesma pessoa que fazia o pote. 

No livro apócrifo de Eclesiástico, escrito nesse período, temos uma descrição desse tipo de segunda roda: "O mesmo sucede com o oleiro que, entregue à sua tarefa, gira a roda com os pés... com o seu braço dá forma ao barro, torna-o maleável com os pés" (Ec 38.32).



Pb. Donizeti (Um servo do Senhor Jesus a serviço do reino de Deus)

Conselhos Bíblicos