Pesquisar no Blog do J.A.

terça-feira, 12 de janeiro de 2016

O que é a Bíblia - 3/15

Nomes que a Bíblia atribui a si mesma

O Senhor costumava referir-se aos livros do AT como "as Escrituras" (Mt 21.42; Mc 14.19; Jo 5.39). Seus seguidores fizeram o mesmo (Lc 24.35; At 18.24; Rm 15.4).

Paulo referiu-se a elas como "as Sagradas Letras" (2 Tm 3.15), "nas santas Escrituras" (Rm 1.2), "as palavras de Deus" (Rm 3.2, ARC).

Certa vez, Jesus referiu-se a elas como "a Lei de Moisés, os Profetas e os Salmos" (Lc 24.44), fazendo eco à organização formal em hebraico. O AT é referido de forma mais breve como "a Lei e os Profetas" (cf. Mt 5.17; 11.13; At 13.15). Ainda mais sucinto, o termo "lei" compreende as outras divisões (Jo 10.34; 12.34; 15.25; 1 Co 14.21).

A Bíblia não apresenta um nome para o conjunto das Escrituras. As únicas Escrituras conhecidas na época eram as do AT e os livros mais antigos do NT.

Nesta última categoria, Pedro refere-se às epístolas de Paulo como "Escrituras" (2 Pe 3.16).

Continua.

Conselhos Bíblicos