Pesquisar no Blog do J.A.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

EBD - Subsídio

As duas etapas de Volta de Jesus

A primeira etapa será o Arrebatamento que conduzirá a Igreja da 6ª Dispensação, a Graça, ao encontro de Cristo nos ares, isso então, levando a Igreja a receber a Bendita Esperança - estar para sempre com Jesus.

Fato importante: isso só será visível para a Igreja e não tem data para acontecer.

Daí, inicia-se a recontagem das "semanas proféticas" conforme Daniel, a semana 69 iniciada com a morte de Cristo e o véu de separação do Santo dos Santos no Templo  rasgado de alto a baixo e finalizada com o Arrebatamento da Igreja.

Fato importante: Não haverá mais a presença do Espírito Santo que consolava e guardava a Igreja. Com isso, neste ponto, o Anticristo tem liberdade iniciar seu reinado.

A profecia das "70 Semanas de Daniel", que é direcionada para Israel e não para a Igreja, volta para seu cumprimento na ultima semana de sete anos. Israel é o foco de tal juízo que conduzirá ao arrependimento, mas os que não foram raptados pelo arrebatamento passarão A Grande Tribulação pelejando por sua salvação pós-arrebatamento (a respiga após as primícias celestiais já terem sido arrebatadas) ou entregar-se-ão de vez as concupiscências ofertadas por este mundo e dirigidas agora pelo Anticristo vivo.

Ao finalizar-se este processo da Grande Tribulação, tem início a segunda etapa da volta de Jesus.

A segunda etapa é Jesus voltando dos ares, agora visível a toda a humanidade restante sobre a terra, junto com a Igreja, a noiva, ao seu lado para no chamado "Aparecimento Glorioso" para o Milênio.

Fato importante: Tem data prevista e será aterrorizador para os que na terra inevitavelmente o esperam.

A Igreja, nós, devemos pelejar para estarmos inclusos na porção que participará da primeira etapa.

Conselhos Bíblicos