Pesquisar no Blog do J.A.

domingo, 24 de janeiro de 2016

Frustração e Frango a Rolê

Hoje, após ter ido a Escola Bíblia Dominical, em família fomos ao supermercado comprar algumas coisas para o almoço.

Uma dessas coisas foi uma coxa de frango a rolê, era bonita, cheirosa, de se "comer com os olhos".

Enchi-me de expectativas para come-lá, mas fiz planos em minha mente de degusta-lá saboreando baseado na aparente beleza e estimado sabor que em minha mente produzi.

Contudo, arrumada foi a mesa e vamos lá.

Logo ao cortar a primeira das duas coxas de frango que comprei percebi - pimentão!

Não sou alérgico, mas ele me faz muito mal e as vezes levando ao vômito.

Naquele momento destilei uma grande frustração baseada na expectativa de uma coxa de frango a rolê.

Fiquei triste todo o almoço, cabisbaixo ao ponto de minha esposa perguntar "você não quer que eu faça outra coisa para você?"

Mas porque tamanha frustração com algo tão banal? Onde está tal propósito?

Hoje muitas pessoas materializam suas frustrações, dão a elas grandes formas, vida, atribuem nomes e dão a elas poder.

Ficam dominadas, são ocupadas pelo peso das obrigações que as frustrações geram: decepção, preguiça de recomeçar, antipatia por novas experiências e fazem muita força para carregarem as correntes pesadas que as prendem.

Como se livrar disso? Ou como obter a libertação da frustração, por que elas acontecem, de forma eficaz e eficiente?

Jesus tem a solução!

"Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei." Mateus 11.28

Ir até Jesus, esse é o caminho.

Muitos vão ao Facebook e Whatsapp e derramam suas frustrações a pessoas que não podem fazer nada por elas, que olharão, comentarão e curtirão a sua frustração.

Legal o status né: "se sentindo arrasado" - 45 curtidas.

Como "curtir" o problema dos outros? Essa é a diferença de Jesus, Ele não "curti", Ele alivia.

Busque o que pode realmente te ajudar.

Conselhos Bíblicos