Pesquisar no Blog do J.A.

terça-feira, 8 de março de 2016

Que feridas são estas nas suas mãos?

"E se alguém lhe disser: Que feridas são estas nas tuas mãos? Dirá ele: São feridas com que fui ferido em casa dos meus amigos."
Zacarias 13.6

A identidade da pessoa que tinha “feridas [...] nas [...] mãos” também é bastante controversa.

A expressão “[...] feridas ... nas tuas mãos [...]” não se refere ao Messias e sua crucificação, mas continua a descrever o comportamento dos falsos profetas daquele tempo. Veja o texto completo abaixo:

4 "E acontecerá naquele dia que os profetas se envergonharão, cada um da sua visão, quando profetizarem; nem mais se vestirão de manto de pelos, para mentirem."
5 "Mas dirão: Não sou profeta, sou lavrador da terra; porque certo homem ensinou-me a guardar o gado desde a minha mocidade."
6 "E se alguém lhe disser: Que feridas são estas nas tuas mãos? Dirá ele: São feridas com que fui ferido em casa dos meus amigos."
Zacarias 13.4-6

Cristo, porém, não poderia negar que era profeta nem poderia afirmar que era lavrador e havia sido ferido na casa de seus amigos. Sem dúvida a passagem por completo descreve um falso profeta (vs. 4-5) ferido num culto idólatra.

Quando o falso profeta negar sua associação com práticas pagãs, outros exigirão que ele explique as marcas suspeitas em seu corpo.

Os falsos profetas costumavam se cortar para provar êxtase proféticos durante cultos idólatras (Lv 19.28; Dt 14.1; 1 Rs 18.28; Jr 16.6; 48.37), mas afirmarão que as cicatrizes são resultantes de ferimentos infligidos por amigos.

O zelo do Senhor será tão grande no reino do Messias que os idólatras tentarão ocultar sua identidade de todas as maneiras, mas as cicatrizes que levam no corpo revelarão sua iniquidade.

Hoje talvez não sejam mais vistas marcas físicas, mas sim de caráter dos falsos profetas que atestam ser cristãos, mas andam de mãos dadas com "evangelhos" diferentes do que Jesus deixou.

Vigiemos, pois, as marcas de muitos estão por aí...

Conselhos Bíblicos